Como devemos tratar o nosso próximo?

Como devemos tratar o nosso próximo?

Jesus declarou em Lucas 10:27-28: “Respondeu-lhe ele: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento, e ao teu próximo como a ti mesmo. Tornou-lhe Jesus: Respondeste bem; faze isso, e viverás.”

Que significa amar o nosso próximo como a nós mesmos? A Bíblia diz em Romanos 13:9: “Com efeito: Não adulterarás; não matarás; não furtarás; não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.”

Tendo em vista esta perspectiva do amor a Deus e amor ao próximo, Jesus disse: “Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a Lei e os Profetas” (Mateus 7:12).

Veja mais aqui:

 

 

Clique nesta imagem para ir ao site e conhecer o conteúdo do áudio livro

Anterior A Reforma Protestante e a união das igrejas
Próximo É possível ser cristão e maçom ao mesmo tempo?

Sobre o autor

Leandro Quadros
Leandro Quadros 434 posts

Escritor e apresentador dos programas "Na Mira da Verdade" e "Lições da Bíblia"

Veja todos os posts do autor →

Veja também

Dicas de Livros 1Comentários

Dicionário Brasileiro de Teologia demonstra que a “alma” é mortal

Introdução Cada vez mais teólogos protestantes (e também católicos) têm reconhecido que o conceito bíblico de “alma” difere radicalmente daquele apresentado pela filosofia grega e popular. Oscar Cullmann apontou em

Bons Debates 1Comentários

A verdade sobre o novo código penal boliviano e a Liberdade Religiosa

Dias depois de se encontrar com o Papa, Evo Morales é alvo dos protestos vindos não só do Vaticano e de outras denominações cristãs, mas de todas as confissões religiosas

Bons Debates 0 Comentários

O que o Apostolo Paulo quis dizer em I Coríntios 5:5?

Além de estudá-lo juntamente com outros textos de Paulo acerca do estado do homem na morte (I Coríntios 15:23; I Tessalonicenses 4:13-16, etc), temos de analisar I Coríntios 5:5 em

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Você pode ser o primeiro a comente este artigo!