Deus se arrepende?

Deus se arrepende?

Por que em Números 23:19 diz: “Deus não é homem, para que minta, nem filho do homem, para que se arrependa…”, sendo que em Gênesis 6:6 se afirma: “então, se arrependeu o Senhor de ter feito o homem na terra, e isto lhe pesou no coração”?

A palavra “arrependimento” é expressa por diferentes palavras no original hebraico e grego. Sendo assim, o arrependimento divino é totalmente diferente do arrependimento humano, pois diferentes palavras hebraicas e gregas são usadas para definir esse sentimento.

Quando a Bíblia fala do arrependimento humano, usa as seguintes palavras no original: Shubh (hebraico) e metanoéo (grego). Seus significados: mudança de mente (não somente a tristeza pelo pecado), voltar atrás, retornar ao caminho correto. Por outro lado, quando a Bíblia fala acerca do arrependimento divino, usa os seguintes termos: Naham (hebraico) e Metamélomai (grego). Significados: dor, tristeza, pesar.

Portanto, quando Gênesis 6:6 diz que Deus “se arrependeu”, está afirmando que o Senhor “sentiu profunda dor, pesar” (lembremos que não temos como expressar em linguagem humana os sentimentos de Deus, como realmente foi essa dor divina) por ter de executar juízo (por ocasião do dilúvio) contra o homem que Ele havia criado. O arrependimento divino não traz mudança em seu Ser, mas sim no seu modo de “tratar” o ser humano.

Clique nesta imagem para ir ao site e conhecer o conteúdo do áudio livro

Anterior Qual o significado da expressão debaixo da lei mencionada em Romanos 6:14?
Próximo Princípios bíblicos para o casamento

Sobre o autor

Leandro Quadros
Leandro Quadros 575 posts

Escritor e apresentador dos programas "Na Mira da Verdade" e "Lições da Bíblia"

Veja todos os posts do autor →

Veja também

Apologética Cristã 1Comentários

Como ter certeza da sua salvação

Quem está salvo? Como ter certeza da sua salvação. Eduardo Leite, 24, sobreviveu após ter a cabeça atravessada por uma vergalhão da grossura de um dedo polegar. O comprimento do

Apologética Cristã 1Comentários

A vida e a personalidade do feto (Aborto)

Na Bíblia, o aborto não é uma opção! As pessoas têm valor e identidade antes mesmo de nascer. A Bíblia diz em Jeremias 1:5: “Antes que eu te formasse no

Interpretação Bíblica 1Comentários

O dia da ressurreição de Jesus como dia de guarda

Houvesse o dia da ressurreição se transformado no novo dia de repouso da igreja apostólica, e isso certamente transpareceria na linguagem empregada nos evangelhos e nos demais livros do Novo Testamento, escritos vários anos após a ressurreição de Cristo. Mas os evangelhos de Marcos e Lucas (escritos cerca de 30 anos após a ressurreição), o de Mateus (escrito cerca de 35 anos após esse evento) e o de João (escrito cerca de 60 anos após o mesmo evento) referem-se ao dia da ressurreição simplesmente como o “primeiro dia da semana”, sem qualquer deferência especial para com ele (ver Mateus 28:1; Marcos 16:2; Lucas 24:1; João 20:1, 19).

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Você pode ser o primeiro a comente este artigo!