Como devemos tratar o nosso próximo?

Como devemos tratar o nosso próximo?

Jesus declarou em Lucas 10:27-28: “Respondeu-lhe ele: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento, e ao teu próximo como a ti mesmo. Tornou-lhe Jesus: Respondeste bem; faze isso, e viverás.”

Que significa amar o nosso próximo como a nós mesmos? A Bíblia diz em Romanos 13:9: “Com efeito: Não adulterarás; não matarás; não furtarás; não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo.”

Tendo em vista esta perspectiva do amor a Deus e amor ao próximo, Jesus disse: “Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a Lei e os Profetas” (Mateus 7:12).

Veja mais aqui:

 

 

Gostou? Compartilhe com quem precisa deste conhecimento:
error17
fb-share-icon20
Tweet 20
fb-share-icon20
Anterior A Reforma Protestante e a união das igrejas
Próximo É possível ser cristão e maçom ao mesmo tempo?

Sobre o autor

Leandro Quadros
Leandro Quadros 797 posts

YouTuber e apresentador dos programas "Na Mira da Verdade" e "En La Mira de La Verdad", na Rede Novo Tempo.

Veja todos os posts do autor →

Veja também

Aconselhamento Espiritual 3 Comentários

Um “tapa no rosto” dos que gostam de criticar a liderança da igreja

Dissidentes antitrinitarianos ou perfeccionistas geralmente adotam a mesma postura de alguns críticos do adventismo: postar vários comentários (repetitivos) em diversas páginas e vídeos, para que os leitores sofram uma verdadeira

Bons Debates 3 Comentários

Existe predestinação?

Pr. Alberto R. Timm, Ph.D. Deus sabe realmente quem vai ser salvo e quem se perderá, porque Ele é “perfeito em conhecimento” (Jó 37:16) e “conhece todas as coisas” (1

Bons Debates 2 Comentários

Os “sábados” em Colossenses 2:16

“Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados”. (Colossenses 2:16) Tradicionalmente, como igreja, ensinamos que os

0 Comentários

Ainda não há comentários!

Você pode ser o primeiro a comente este artigo!

Deixe seu Comentário