Os adventistas e a posse e porte de armas

Os adventistas e a posse e porte de armas

Declaração oficial:
As armas automáticas ou semi-automáticas de estilo militar estão se tornando cada vez mais disponíveis aos civis. Em algumas regiões do mundo é relativamente fácil a aquisição de tais armas. Elas aparecem não apenas nas ruas, mas também nas mãos de jovens nas escolas. Muitos crimes são cometidos por meio do uso dessas armas. São feitas para matar e não têm nenhuma utilidade recreativa legítima. Os ensinos e o exemplo de Cristo constituem a norma e o guia para o cristão de hoje. Cristo veio ao mundo para salvar vidas, não para destruí-las (Lucas 9:56). Quando Pedro sacou de sua arma, Jesus lhe disse: “Embainha a tua espada; pois todos os que lançam mão da espada, à espada perecerão” (Mateus 26:52). Jesus não Se envolvia em violência.

Alguns argumentam que a interdição das armas de fogo limita os direitos das pessoas e que as armas não cometem crimes, mas sim as pessoas. Embora seja verdade que a violência e as inclinações criminosas conduzem às armas, também é verdade que a disponibilidade das armas leva à violência. A oportunidade de civis comprarem ou adquirirem de outro modo as armas automáticas ou semi-automáticas apenas aumenta o número de mortes resultantes dos crimes humanos. A posse de armas de fogo por civis nos Estados Unidos aumentou a uma estimativa de 300 por cento nos últimos quatro anos. Durante o mesmo período, houve um assombroso aumento de ataques armados e, consequentemente, mortes. Na maior parte do mundo, as armas não podem ser adquiridas por nenhum meio legal. A igreja vê com alarme a relativa facilidade com que elas podem ser adquiridas em algumas regiões. Sua acessibilidade só pode abrir a possibilidade de mais tragédias.

A busca da paz e a preservação da vida devem ser os objetivos do cristão. O mal não pode ser combatido eficazmente com o mal, mas deve ser vencido com o bem. Os adventistas, como outras pessoas de boa vontade, desejam cooperar na utilização de todos os meios legítimos para reduzir e eliminar, onde possível, as causas fundamentais do crime. Além disso, tendo-se em mente a segurança pública e o valor da vida humana, a venda de armas de fogo automáticas ou semi-automáticas deveria ser estritamente controlada. Isso reduziria o uso de armas por pessoas mentalmente perturbadas e por criminosos, principalmente aqueles envolvidos com drogas e atividades de quadrilhas.

Gostou? Compartilhe com quem precisa deste conhecimento:
error17
fb-share-icon20
Tweet 20
fb-share-icon20
Anterior Quem é Jesus Cristo? O nosso Big Brother real
Próximo O que é o karma? A Bíblia fala sobre karma?

Sobre o autor

Leandro Quadros
Leandro Quadros 797 posts

YouTuber e apresentador dos programas "Na Mira da Verdade" e "En La Mira de La Verdad", na Rede Novo Tempo.

Veja todos os posts do autor →

Veja também

Sem categoria 0 Comentários

Cirurgião adventista na argentina testemunha da sua fé

No dia 08 de dezembro, a vida do turista americano Joe Wolek se cruzaria de forma trágica com a do cirurgião adventista Yamil Ponce, no hospital público Argerich em Buenos

Sem categoria 0 Comentários

Lições de Daniel 7

Autor: Ekkehardt Mueller As nações usam imagens de animais como seus representantes, comunicando uma mensagem sobre como eles vêm a si mesmas. Algumas escolheram uma águia, outras um leão e ainda

Sem categoria 3 Comentários

É impossível o arrependimento de acordo com Hebreus 6:4-6?

A seguir, disponibilizo a resposta do Prof. Pedro Apolinário (que hoje descansa no Senhor) sobre um texto que tem deixado muitos cristãos perplexos. Foi extraída e adaptada do livro “Leia

2 Comentários

  1. Gabriel Silva
    junho 25, 19:19 Resposta

    Tenho duas certidões de batismo Adventista e passei quase 10 anos nessa denominação e tenho profunda admiração, porém nesse assunto tendo como base a explicação dada nesse vídeo eu discordo, primeiro que se devemos seguir as leis do Estado podemos estar seguindo leis de um Estado corrupto, onde essas leis podem ser usadas para subjugar o povo, todo governo tirano desarmou a população e esse povo sofreu as consequências de um Estado com líderes sanguinários, o Sr. Leandro Quadros está dizendo que o povo que morreu na mão de ditadores não poderia ter sua chance de se defender? Essa armadura espiritual que ele cita corretamente no vídeo, porém sem efeito recíproco absoluto ajudou aqueles que já tiveram suas vidas ceifadas por ditadores pelo mundo?

    Se um desses entende que o corpo dele é templo do espírito santo pode permitir que um Estado tirano lhe retire o direito de lutar contra esse mesmo poder sanguinário?
    Sim, devemos observar com rigor as leis seja ela de Deus cujo tetragrama é impronunciável e as leis do Estado, só senti falta de uma pequena explanação direcionando a população a escolher representantes do Estado que tenham a posição favorável ao porte de arma, pois como o próprio pastor afirma a bíblia não condena.
    Davi derrubou Golias com uma espécie de “arma”, por que ele não fechou os olhos se imaginou com a “armadura mencionada no vídeo” e derrubou o gigante? Ou essa armadura tem outra finalidade?

    Para finalizar quando Jesus foi ressuscitar Lazaro Ele pediu para que pessoas tirassem a pedra do lugar, deixando claro que “o que o homem pode fazer Deus não faz” então a pergunta é, quem deve proteger o meu corpo que é templo do Espírito Santo? Se eu desenvolvo diabetes por que não cuidei da alimentação é culpa minha pelo fato de ser minha responsabilidade, mas deixar alguém ferir meu corpo com uma arma seja ela qual for não é minha responsabilidade cuidar para ter o mínimo de dano possível?

    É dito no vídeo de forma pejorativa e falta digamos assim de cultura do brasileiro em resolver problemas civilizadamente, concordo, mas para mudar essa cultura precisa dar os primeiros passos rumo a mudança mesmo que aconteça danos colaterais, ou algum país que tem o porte de arma flexível já surgiu com uma mente superior a respeito do manuseio da arma?
    Em Apocalipse mostra uma espada saindo de Jesus, o criador aparecerá armado, já que seguimos pelo exemplo de Jesus em todos os aspectos da vida, já que nossa luta é contra espíritos do mal, já que Ele se tornou vitorioso e voltará mostrando seu poder e majestade por que a espada?
    Eu acredito que essa é a igreja, mas não é esse povo.

  2. João Vitor
    janeiro 26, 18:18 Resposta

    Desculpa, mais discordo com sua opinião, tirar a arma do cidadão o deixa como possível vítima sem a capacidade de se defender, e impedir a compra de armas por meio legal não fará ou fará pouca diferença nos crimes de mão armada por que se alguém quer cometer um crime ela pode muito bem pegar o dinheiro e comprar até um fuzil militar no mercado negro, a ideia dr armar a população junto com uma política de segurança pública, junto com restrições realmente necessárias na venda legal de armas, por exemplo, impedir pessoas mentalmente perturbadas, possíveis criminosos e jovens, ajudará a reduzir o crime

Deixe seu Comentário